As regras básicas da alimentação artificial

Claro que, o leite materno, não existe substituto. Mas, se organizar adequadamente tudo, e você pode crescer em misturas artificiais saudáveis ​​em todos os aspectos, baby. A principal coisa é saber claramente as regras básicas da alimentação artificial, siga os conselhos dos médicos e não ouvir as exortações dos avós nos bancos.


A principal coisa a entender — mix de hoje é muito diferente daqueles que estavam à venda há alguns anos atrás. Portanto, a indignação dos parentes mais velhos e experientes, como «Oh, como ele pode alimentar as crianças ?!» pode simplesmente não responder. Mistura moderna máximo adaptado para o leite da mãe, eles instantaneamente dissolver mesmo em água fria e sua composição é muito mais rico do que era antes. Isso proporciona maior conforto ao alimentar, mas não isenta de realizar outras operações necessárias, não cancelar e conhecimento de certas regras. O quê? Leia abaixo.

1. Selecione a mistura em conjunto com o pediatra

Esta decisão tem um impacto direto sobre a saúde do seu filho, para que você não deve contar com o conselho de colegas ou preço mais baixo no supermercado. Toda criança tem necessidades diferentes, por isso é melhor para resolver este problema com o pediatra.

O médico irá avaliar se a criança por motivos de saúde para aceitar uma mistura particular, de acordo com a sua composição. Se uma criança, por exemplo, nasceu prematuramente, não ganhar peso, sofrendo de distúrbios digestivos ou alergias alimentares, que necessita uma seleção adequada da mistura. Se o seu filho vai ter necessidades dietéticas especiais, o médico irá dizer-mistura que irá atender ele.

Selecção de misturas artificiais também deve ser consistente com a idade da criança. Depois de seis meses do bebê, por exemplo, tem necessidades diferentes do que, digamos, um bebê recém-nascido. Assim, para os bebês de até 6 meses deve aplicar regras especiais para a alimentação de mistura.

Lembre-se! Se o bebê não vai tolerar certas misturas (será inchaço, diarréia ou rash), notificar imediatamente o pediatra!

2. Leia a informação na embalagem

Composição misturas artificiais modernas de muito rico. Elas contêm vitaminas e minerais essenciais, montante apropriado para a idade de proteínas, carboidratos e gorduras. Mas a ler a parte do pacote — Dirija o seu dever.

A lei exige que os fabricantes de misturas, a sua composição foram também ácidos gordos polinsaturados, ácidos gordos essenciais, que têm um impacto positivo sobre o desenvolvimento do cérebro e da retina. No entanto, diferentes empresas utilizam nomes diferentes que determinam essas substâncias. A embalagem pode ser visto que ele contém a mistura, e o pediatra irá dizer-lhe como poderia afetar a saúde do seu filho.

3. Use água potável e armazenar a mistura corretamente

Estas são as duas regras mais importantes da alimentação artificial. Você deve usar água com um baixo conteúdo mineral. É melhor para comprá-lo na loja (há mesmo uma água especial para a preparação de misturas). Se a sua casa tem um filtro, você pode usá-lo.

Especialistas não recomendam o uso de água da torneira. Ela não tinha mantido, e pode produzir uma grande quantidade de bactérias perigosas. Água fervente pode ser armazenada em uma garrafa térmica para não ferver de novo a cada vez. Essa água permanece fresco por cerca de 12 horas. A venda é mesmo especial a água, que não precisa ser fervido purificado.

4. Não altere o mix muitas vezes!

Os fabricantes oferecem a cada poucos meses para tentar nova mistura. Isso não é nada mais do que um golpe publicitário. Não tente seguir estes apelos, como a criança poderia ser problemas alérgicos ou digestivos. Se o garoto levou algum mistura, é saudável e ganhando peso bem, então nada muda.

5. Observe as proporções seguintes a receita

Siga as recomendações do fabricante, que são listados em cada embalagem a mistura seca. A criança deve obter os nutrientes nas proporções corretas, então a mistura não pode ser muito grossa ou muito aguado. Portanto, você deve medir cuidadosamente cada porção de leite. Use sempre a colher que vem com o pacote.

Siga as regras básicas de composição e outras — a água quente para a temperatura desejada, use a seqüência de mistura adequada. Só então você pode ter certeza que a criança recebe um alimento valioso.

6. Lave os acessórios imediatamente após o uso

Garrafas de saúde e bicos como importantes como o respeito pelas regras de mistura. Aqui você também terá que garantir cuidados especiais. Os riscos e quedas mamadeiras e chupetas bactérias se multiplicam rapidamente (como você sabe, o leite — um ótimo ambiente para eles).

Assim, logo após comer deve ser limpo todos os acessórios. Se a criança ainda não passou o limite de seis meses, você também precisa para esterilizá-los. Se a criança é mais velha, mamadeiras e bicos podem ser simplesmente lavadas em água corrente no sabão líquido de costume e enxaguar abundantemente.

7. Tome cuidado com a higiene das mãos e toda a cozinha

A cozinha pode ser contido e se reproduzem muito mais perigosos tipos de bactérias e fungos que no vaso sanitário! Então lembre-se que antes de preparar a mistura você deve sempre lavar as mãos. Para secar garrafas e bicos tem que usar recipiente separado (limpo e seco). Próximo não deve comer.

Preparação da mistura a cada dia está se tornando rotina. Você começa a se esqueça de lavar as mãos, esfregue a garrafa e assim por diante D. Não perca vigilância e bons hábitos -. É sobre a saúde do seu filho!

8. Alimente seu bebê sob demanda

Apesar de se supor que uma criança deve ser fornecido a cada 3 horas, em média, mas não obedecem a esta regra é muito rígida. Apetite criança pode variar dependendo da sua disposição. Então, às vezes o bebê pode querer comer mais, às vezes menos. Portanto, se o bebê se recusa, não forçá-lo a comer.

Crianças sempre comer quando estão com fome — é um reflexo de proteção da natureza. O bebê ainda não pode «caprichosa», e não «você mal». A principal coisa é que a criança durante o dia recebeu todos os componentes necessários, o que corresponde a sua idade.