Sintomas e nutrição adequada na colite

Nos seres humanos, há um órgão muito importante que define o trabalho de todos os outros sistemas do corpo. No intestino atribuída funções importantes. Assim, o intestino tem que digerir e absorver alimentos, remover os subprodutos de processamento — escória, como ele é responsável pela formação de certos tipos de hormonas e vitaminas. E o mais surpreendente — é que o intestino esteja envolvido na formação de imunidade, que até recentemente parecia estranho. Nesta publicação, estamos a falar da colite doença, por que isso ocorre e quais são os sintomas e nutrição adequada na colite.


Os sintomas de colite.

Colite chamada doença inflamatória do intestino. Processos inflamatórios podem ser afectadas e alguns dos intestinos, e todo o intestino. Além disso, é uma colite crônica e aguda.

Factor desencadeador para o processo inflamatório agudo é mais frequentemente uma infecção intestinal. Colite crônica surge da forma aguda sob várias condições adversas: longa disbiose, infestação por vermes, intoxicação crônica por venenos industriais, outras doenças crônicas do aparelho digestivo, doenças alérgicas.

Colite é caracterizada por lesões da parede intestinal. Em primeiro lugar na parede do intestino é formado vermelhidão que entra em inchaço. Se você não tomar as medidas adequadas sobre as paredes da erosão intestinal e úlceras aparecer. O principal sintoma de colite aguda — é a diarréia, que alterna periodicamente com constipação, cólicas abdominais, flatulência, palpitações, falta de ar.

Se o paciente em causa dor de dor constante no abdômen inferior, muitas vezes há uma sensação de plenitude do abdome, que está ficando mais forte à noite, e no estômago muitas vezes cantarola, ele fala sobre a transição para uma forma crônica da colite. Tipicamente, estas pacientes são distúrbios funcionais do sistema nervoso.

Nutrição para a colite.

Dieta na colite crónica pode variar grandemente dependendo dos sintomas da doença. Além disso, escolher uma dieta com base no estágio da doença. Atualmente colite pacientes desenvolveram várias dietas — № 2, №3, №4, nº 4-A, B, C. Os médicos determinam o estágio da doença — e, em seguida, prescrever uma dieta. A nutrição adequada pode agir como um tratamento independente ou combinada com outros tratamentos.

Fácil exacerbação de colite crônica.

Dieta №2 é usado quando a exacerbação de colite crônica não é brilhante caráter. Tal dieta é necessário para restaurar a função motora e secretora do intestino e reduzir os processos de fermentação no intestino. Esta dieta é extremamente dieta completa que limita volumoso, leite fresco, pratos quentes, lanches e especiarias. Com essa dieta uma pessoa ganha 3.000 kcal por dia. Coma esta dieta deve ser 5-6 vezes por dia.

Particularmente agradável é o facto de que a gama de produtos alimentares acabados e é muito variada. No entanto, existem limitações. Assim, os alimentos devem necessariamente ser esmagado. Se o alimento frito é, não podem evitar o aparecimento de uma crosta áspera.

Se exacerbação de colite crônica, acompanhada de constipação, você deve escolher um número dieta 3.

Tal dieta é indicado para pacientes que sofrem de reduzida actividade motora do intestino, e constipação persistente. Para o investimento recomendado sofrer um ligeiro aumento no teor de gordura, o que é conseguido devido ao consumo de óleos vegetais. Caso contrário, caracterizado №3 proteína dieta equilibrada e hidratos de carbono. Com relação à energia da dieta, chega a 3000 — 3500 kcal. Neste modo, o poder é recomendado o consumo mais frequente de produtos lácteos, beterrabas, cenouras e tomates frescos. Para produtos de farinha devem ser tratados com cautela. Melhor escolher o produto ou pão de centeio com farinha de trigo. É aconselhável consumir ameixas secas mais, damascos, figos e tâmaras, que, quando o inchaço vai estimular o processo digestivo. Em consonância com esta dieta, você precisa comer 5-6 vezes por dia.

Se colite acompanhada por processos de fermentação e diarréia no intestino, você precisa escolher uma dieta №№ 4 e 4A.

Dieta №4 comumente utilizado em doenças intestinais crônicas, que são acompanhados por uma diarréia pronunciado. Dieta №4 assume dieta mais poupadores, o que ajuda a reduzir a irritação e reduzir os processos de fermentação no intestino. Com essa dieta para impor restrições sobre alimentos ricos em hidratos de carbono e gorduras, e de água doce é excluído de leite, fibras, especiarias, picles e fumados. Ao mesmo tempo, o valor de energia da dieta №4 é de apenas 2000 kcal, que precisam de ser divididas em 5-6 recepções.

Se priobostrenii dominado por processos de fermentação, você precisa escolher um número 4A dieta. É ainda observado restrição de alimentos que contenham hidratos de carbono e proteínas. A nutrição deve ser uma fração, 5-6 recepções.

Quando é colite crónica em fase aguda, o paciente é prescrita dieta alimentar de acordo com o número 4B.

Este modo de fornecimento é atribuído quando colite crónica suplementado por outras doenças do aparelho digestivo. Tal dieta ajuda a fornecer uma nutrição adequada com uma ligeira inflamação no tracto gastrointestinal. Esta dieta fornece todo o necessário no paciente 2800 — 3600 kcal. Neste modo, a energia é consumida cozida e amassada forma. É permitido o consumo de determinados alimentos quando cozido, mas eles não devem ser casca áspera. Coma também precisa de 5-6 vezes por dia.

Em geral, nutrição clínica na colite crônica selecionados individualmente. Ele depende da gravidade da doença, as características do organismo.