Por que os homens vão para prostitutas

Esta questão é tão antiga quanto o nosso mundo como uma profissão a prostituição é a mais antiga da existência hoje. Desde os tempos antigos, os trabalhadores «a profissão mais antiga» fazer suas próprias coisas.


Anteriormente, era altamente individual, que sabia como jogar em uma variedade de instrumentos musicais, eo nível do seu desenvolvimento e aprendizagem permitiu-lhes para entreter entediados homens conversando. Mesmo Alexandre, o Grande tinha um relacionamento pessoal prostituta Thais.
GRADUAÇÃO seu trabalho árduo existia em Roma. Havia um monte de unidades e tipos.
Então foram Delikate e famoze.
Delikate mulheres eram suaves e delicados, eles poderiam ter vindo de famílias honradas.
Famoze — (da palavra famosa — famoso) ser conhecido, eles foram glorificado e louvado, e consistiu de festas dos imperadores.
Abaixo estão as prostitutas lupanar chamando a seus clientes gritos longos que se assemelham pelo uivo dos lobos.
Então veio byustuarii, em seguida, caminhou dyavolaye e perto de bares e pousadas Galline trabalhou que não eram avessos a povorovat mesquinho. Também há forarii que viajou com spunikami perto das estradas. E na camada mais baixa são kvadrantarii que passaram para os braços de moedas de um centavo, porque eles foram os mais sorte e bonito.
Como todo mundo sabe que o tema da prostituição está bem desenvolvida na pintura desde o Renascimento. Para um monte de trabalho nesses dias conter mulheres nuas, abraços quentes em uma cama, e outros.
Os homens o tempo todo para o pobre inteligibilidade na escolha de seus parceiros pagos para esta doença, que passou suas esposas legítimas.
É por isso que, no final dos anos 30 nos Estados Unidos foi uma onda de manifestações com o slogan: «Sábado à noite — o melhor amigo de sífilis.» Assim, em 1941, uma grande quantidade de New York mulheres de vida fácil foram enviados para campos especiais para proteger soldados americanos contra doenças sexualmente transmissíveis.
Mas, no entanto, apesar de esta pergunta: «Por que um homem vai a prostitutas?» E permanecerá aberta. Para ambos foram para eles, e continuar a caminhar.

E tudo porque esse cara é sempre algo que falta.
Por um lado existe porque há uma percentagem de mulheres que podem suportar a carga de sexo louco. Além disso, a carga pode exigir que o próprio corpo, o que poderia fazer durante o reinado de Catarina, a Grande, que era uma devassa e até o final de sua vida mudou seguintes parceiros.
Por outro lado, a necessidade de os serviços deste tipo surge em ligação com as leis da biologia do sexo masculino.
Assim, muitos especialistas acreditam que quase todos os homens de hora a hora apelo a prostitutas. E, basicamente, tratado machos 45-55 anos, embora eles podem começar muito mais cedo.
Preços para prostitutas para separar. Em os EUA, se trata de US $ 200 para a remoção de prostitutas de rua. Road Weekend «call-girls», para o qual você pode fazer uma reclamação, vai custar um ou dois mil dólares, e as meninas nos casinos de Las Vegas, e não estamos a falar, numa noite de sábado, eles exigem pelo menos 4-5000 !
No entanto, os homens vão para tais despesas, considerando-as justificadas do ponto de vista psicológico. Pois no relacionamento de longo prazo precisa de muito tempo, e não o fato de que ele ainda estava fora. Para a «atrair para a cama» mulher moderna trabalhando duro, e comunicação com uma prostituta é rápida e sem problemas.

Muitas prostitutas são chamados psicoterapeutas. E talvez esta é a principal razão para isso, então por que os homens vão para prostitutas.
E embora possa parecer, mas é verdade. Só o fato de que quase todos os quarto homem jovem medo de começar um relacionamento sexual com uma mulher. No caso de uma prostituta, ele não sente vergonha, mesmo no caso se houver uma ereção normal. O mais que uma prostituta não iria rir de um homem no caso de ejaculação precoce. Além disso, ele vai mesmo ser feliz que ele vai facilitar o assunto ao seu trabalho. No entanto, muitos homens não têm confiança nas suas capacidades, e é mais fácil de pagar.
Além disso, alguns homens preferem o sexo oral, não é tão tedioso como um ato normal. E, nesse caso, é raro, quando a mulher que pode ajudar neste caso. Quando uma prostituta facilmente satisfazer qualquer fantasia que olhou para fora da pornografia. Além disso, não se esqueça de elogiá-lo e dizer, o que é ele o mais legal, única e deliciosa que definitivamente excitar um homem e isso não é surpreendente, mas depois disso, o homem pode estar confiante e parar de usá-los, como já estará certo confiança para a datação convencional. É por isso que as prostitutas são, por alguns terapeutas no verdadeiro sentido da palavra.
Essas mulheres são capazes de compreender o homem em seus desejos sexuais, que não pode se atrevem a pôr em marcha com suas esposas e namoradas. Essa é uma prostituta, neste caso atua como um parceiro de negócios.

Além disso, em muitos países, existem muitos tipos diferentes de prostitutas que, além da sua principal missão de executar várias funções. Assim, o negócio prostituta romena, que recentemente muito não é ruim, tentando atrair os clientes não só diretamente com sexo, mas alguns serviços e serviço de limpeza. Assim, além de sexo, eles oferecem a limpeza do apartamento, cozinhar e outras coisas de interesse para homens solteiros.
Além disso, eles dizem: «Eles (os homens) são muito a favor desta abordagem, porque eles vivem sozinhos e está interessado apenas em três coisas: sexo, limpeza e alimentos, e as nossas meninas com prazer o trabalho realizado e ajudá-los a resolver seus problemas.»

Talvez nisso reside a resposta para a pergunta: «Por que os homens vão para prostitutas?» Por que não? Afinal de contas, por e grandes prostitutas podem resolver seus muitos problemas, se eles são, é claro, é salário equivalente. Soluções para problemas homens — é a resposta para por que os homens para prostitutas ainda andar, e por sua causa.