Como manter um fígado saudável, limpeza do fígado, se livrar das pedras

Médicos sábios orientais por um longo tempo chamada de rainha do fígado. E não sem razão: sem ela nesmogli para «lutar» contra os ataques poderosos de várias substâncias nocivas que entram em nossos corpos em uma base diária e que neutraliza o corpo incansável. Para mais informações sobre como manter um fígado saudável, limpeza do fígado, se livrar de pedras — tudo isso mais tarde.


Como para limpar adequadamente o fígado

Para evitar a estagnação da bílis e discinesia biliar pode ser levada a cabo os seguintes procedimentos. Na linguagem dos médicos, ela chamou tyubazh. Ele assim o fez: você beber um copo de água mineral quente de qualquer (de preferência magnésio, uma vez que estimula fortemente o sistema biliar) e vá para o lado direito, coloque uma almofada de aquecimento na área do fígado por meia hora. O primeiro mês é bem vale a pena fazer a cada 7-10 dias, em seguida, uma vez por mês. É claro, a limpeza dos benefícios para a saúde indutoras fígado, especialmente em pessoas com discinesia biliar congestiva do tipo hipotónica. Em seguida, a vesícula biliar sempre têm estase biliar, e ele esticou. Não importa o quanto um homem pode comer bile residual ainda não está fora do todo. E agora, graças a este sistema um forte impacto sobre a vesícula biliar, fígado limpeza ocorre, ele faz com que o fígado a trabalhar mais intensamente sobre a síntese de bile.

Faça a limpeza do fígado mais do que uma vez por ano não é recomendado, uma vez que qualquer operação de limpeza, independentemente do método — é uma carga muito pesada no sistema biliar, por isso, se os cálculos biliares são contra-indicados. Mas quantos realizar a limpeza do fígado e vesícula biliar sob supervisão médica e fazer antes de este ultra-som para descobrir a presença de pedras ou areia, que durante a limpeza, também, pode causar dor severa. Como resultado, em vez de melhorar a saúde de todos os confins da hospitalização. Aqueles que passam a limpeza da clínica, muito menos risco.

Como se livrar das pedras

Se as pedras já apareceram, não se esqueça de começar o tratamento, para proceder à eliminação de pedras. Doença do cálculo biliar perigoso suas complicações — inflamação do trato biliar, principalmente, e até a ruptura da vesícula biliar. No entanto, todas estas consequências graves podem ser evitados, porque o diagnóstico de litíase biliar hoje funcionou bem e pode detectar problemas sistema biliar cedo. Em primeiro lugar, usando o ultra-som da cavidade abdominal: ultra-som mostra a presença de ambas as pedras e areia, o que constitui uma violação da composição da bile e de trabalho patologia biliar. A tomografia computadorizada, ressonância magnética tomografiya- todos os métodos que podem ser oportuna e detectar com precisão a presença de pedras, o seu número e tamanho. É muito importantes funções bioquímicas do fígado — com este método pode detectar bilirrubina elevada, colesterol, e outros indicadores de violação do metabolismo do pigmento. Então, hoje, em algumas instituições ainda usam sistema de pesquisa função biliar através de métodos de sondagem.

As transações podem ser evitadas

Pedras de colelitíase vir em diversas formas: colesterol, bilirrubina, e misturou-se com a presença de sais de cálcio. Usando uma combinação de ultra-sonografia e de raios-X pode determinar qual é as pedras. Se o ultra-som revela a presença de pedras, e os raios-X não são visíveis, isso significa que o paciente foi sorte — um pedras de colesterol, os quais podem ser dissolvidos por meio de técnicas modernas de terapia medicamentosa. Até à data, os médicos têm os fundos! Se ele bilirrubina ou mistos pedras, tratamento cirúrgico, porque estas pedras se dissolvem ciência hoje não pode. Você pode certamente tentar influenciar o componente de colesterol de pedras misturadas, então as chances são de que eles vão se desintegrar e se transformar em areia — mas ninguém pode garantir que será completamente se livrar das pedras. Existe o risco de que, como resultado de pequenas pedras causar obstrução dos canais biliares. Em geral, tudo o que é muito individual, bem como para qualquer outra doença.

Tratamento cirúrgico não é necessário ter medo: depois que uma pessoa pode viver uma vida plena completamente. Depois da vesícula biliar — é apenas um tanque para coletar bile e ele não produz bile. Hoje em dia, existem dois tipos de operações para remover a vesícula biliar: laparotomia (com a abertura da cavidade abdominal) e laparoscópica quando a vesícula biliar é removido através de uma pequena incisão com uma pinça. Todos os pacientes foram questionados especificamente sobre a última versão da operação, uma vez que ninguém quer ter uma grande cicatriz em um lugar visível, mas este tipo de operação pode ser realizada não é tudo! A primeira contra — obesidade. A segunda — a presença de pequenas pedras, porque pode haver uma pedra no ducto biliar, e, se o cirurgião não apalpar os dedos e não removida, a operação é ineficiente e ter complicações graves. Então, confie o perito e concorda que você é oferecido.

Medicamentos devem ser prescritos por um médico!

Muitos na farmácia aconselhar directamente «do fígado para» aplicar tais ferramentas populares como Liv 52, e assim por Essentiale. D. Stones não são dissolvidas, mas melhorar o potencial energético do fígado. Este assim chamado Hepatoprotectores. Cada célula contém um complexo de enzimas do fígado que funcionam, transformar a hemoglobina em bilirrubina, e este processo de energia, isto é, a energia é gasta em levar a cabo as reacções dentro da célula. Se a energia é pequena, por exemplo, o fígado gordo, a sua energia potencial das células é substancialmente reduzida, o que exige a recuperação. No entanto, é desejável para enfatizar, se você quiser manter um fígado saudável, até mesmo medicamentos aparentemente inofensivos que você não deve tomar sem receita médica! Auto-qualquer droga, especialmente em colelitíase, muito perigoso. Certifique-se de entrar em contato com um especialista — um gastroenterologista.